quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

ser mar


torreira, marina dos pescadores


postais da ria (67)


ser mar

por vezes duvido
se no porto certo
se de prego a carta
mal aberta foi

navego nas águas
dos meus olhos
sou barco
em mim ancorado

recuso
não ser o que sou
repito

amo a terra
abraço o sol
para ser mar

(torreira; marina dos pescadores)

https://ahcravo.wordpress.com/2015/01/21/postais-da-ria-67/