quarta-feira, 13 de maio de 2015

cansaço

a beleza do moliceiro



os moliceiros têm vela (106)


cansaço

nos passos
o peso do tempo

arrastam pela calçada
o corpo

estão vivos
e esperam devagar

(torreira; regata s.paio; 2012)

https://ahcravo.wordpress.com/2015/05/13/os-moliceiros-tem-vela-106/