domingo, 25 de outubro de 2015

ser


o agostinho trabalhito (canhoto) faz o porfio do saco



crónicas da xávega (103)


ser

o teu tempo chegará
quando tempo for

sê sem tempo

(torreira; companha do marco: 2011)



http://ahcravo.com/2015/10/25/cronicas-da-xavega-103/