domingo, 12 de março de 2017

sou vela


uma janela muito especial


abre a porta e sai
se fechada procura a janela
recusa as paredes
a prisão longe de tudo o que

ser a casa abrigo
é coisa que há muito muitos

ser a casa prisão
é coisa de que há muito muitos

vim de longe
não sei para onde vou
nem quando

mas uma coisa te digo
fechem-me a porta na cara
recusem-me à janela

mas não me tirem a rua
e a varanda sobre os dias

sou vela


(torreira; regata do s. paio; 2016)

https://ahcravo.com/2017/03/12/os-moliceiros-tem-vela-251/