quarta-feira, 9 de agosto de 2017

a raiva acesa






quem foste tu
que hoje não és?

quem amava morreu
quem vive matou-me

quem fui eu
que não sei ser?

a mão sustém memória

dentro dela eu
a raiva acesa
nas pontas dos dedos

a raiva acesa

(torreira)

https://ahcravo.com/2017/08/09/maos-de-mar-25/