sexta-feira, 15 de outubro de 2021

Parabéns 🎈 professoras e professores 👨🏼‍🏫 professora 👩‍🏫

UMA POESIA PARA RAUL - Livraria dos Escritores GAEB





O poeta baiano Manoel Hélio Alves, natural de Macarani, Estado da Bahia, mora em São Bernardo do Campo, Estado de São Paulo, participante ativo das passeatas em homenagem ao cantor e compositor baiano Raul Santos Seixas (1945-1989), e membro de vários fãs clubes do cantor, alimentou um sonho de escrever um livro de poesias para o seu ídolo, desde 1993, o sonho tornou realidade nos dias atuais, com o advento das redes sociais.

Uma Poesia Para Raul é o título do primeiro livro do poeta em homenagem ao seu ídolo Raul Santos Seixas, o qual está na segunda edição.

O autor comenta que o livro é uma simples homenagem de um fã para o seu ídolo maior, e que compartilha com os demais fãs os momentos íntimos da construção poética e literária da obra, a qual é um presente para todos que amam e curtem o trabalho do Raul Seixas.


Carlos Galdino Entrevista Dra. Lucimara Maim - Falando de LGPD - lei Geral de Proteção de Dados

Programa Megafone
 
Carlos Galdino entrevista a Dra. Lucimara Maim ,advogada e Consultora  jurídica na área de LGPD e professora de Direito na faculdade IX de Julho.

LGPD, Já ouviu falar?
O impacto da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais nas pequenas empresas.
  
Megafone! - A maior audiência das rádios comunitárias de São Paulo e a credibilidade de Carlos Galdino
 
18 de Outubro | 14 horas 
Não perca!
 
Facebook @cantareirafm
Twitter @cantareirafm
YouTube @cantareira FM 
Instagram @cantareirafm 
SPOTIFY:https://open.spotify.com/show/5WyzbCr...
 
#megafoneaovivo 
#cantareirafm 
 
Produção: Paôla Borges 
Trabalhos Técnicos: Alberto dos Anjos 
Direção Geral: Juçara Terezinha

quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Autores Selecionados - Uma Poesia Para Cada Dia / Lura Editorial



LaFrança (Adeilza Gomes da Silva Bezerra) – “Tempo do Porvir”
Adriana Ranzani – “Soneto do Dia”
Adriana Camarão – “Transparecendo emoções”
Adrianna Alberti – “A esperança que reluz no som do sol”
Adriano Lobão Aragão  – “As tardes as manhãs”
Ágda Franco Barrêto –  “Lá da rede”
Alef Divino – Cotidiano Sensual
Alethea Silveira “Amanhecer”
Alexine Velinho – Mais um dia
Aline Detofeno  – Nova Aurora
Maria Magnólia (Aline dos Santos Portilho) – Quarentena, dia 243
Amanda Carvalho Souza  – A espiral do dia
Amanda Pereira Santos  – Um dia
Andrea Frossard – Uma presença sem nome num dia sem calendário
Clara Barreiros – Serenidade” e Jogo de astros” 
Anna Rodrigues – “Basta um dia?”
Ana Cristina Santos – “Dia”
Ana Laura Figueiró de Sousa – “24h do dia”
Ana Cordeiro – “A solidão dos meus dias”
Ana Barcerllos  – “Dia em espiral’
Angela Guimarães – “Tesouro”
Angelita Cunha  – “Um novo dia”
Antenor Mario – “Assim aprendo a viver”
Antonia Barros – “Hoje é dia”
A Filho (Antônio Pereira Filho) – “Coragem! Ele está aí”
Dante (Antonio Soares Lopes) – “Novos dias”
Artur Pires Custódio – “Dia claro, céu azul
Jairo Sousa (Auxiliador Jairo Sousa) – “Floresça”
Bea (Beatriz C. Mattos) – “Espetáculo da vida”
Bébé (Beatriz Vieira Rocha) – Vivemos todos os dias
Bibi Oliveira – “Gira e volta”
Bibiana Iop – “Hoje”
Bruno Andreoli – “Vapores Panamenhos”
Camila Araújo – “Dançando com as memórias”
Caren B. – “Sino Vital”
Carlos A. Hernández A. – “Valdívia ao sul austral”
Caroline Knup Tonzar – “O (re)começo de um dia”
Cátia Porto – “Acordar com Poesia”
Cláudia Passos – “Dia D”
Céu Passos – “Hoje”  “E tudo bem”
César A. Pereira  – “Rivus rivalis”
Charles Oto Dickel – “O dia!”
Saya (Clarissa Cristina Vieira Ferreira) – A gosto
Cláudia Gerolmich – Sobre os dias contar
Cristiano Casagrande  – O que faz suas pupilas dilatarem?” O café
Cristina Godoy Cerqueira Leite – Despertar
Dany Borges – Fim do dia
Dani Sousa – “Recriando a vida
Deuzeli Linhares – Sol Girassol
A gaivota (Edite de Abreu Ferreira Nunes) – Dias e dias
Edson Nogueira – O dia da utopia
Eduardo Maciel – Pela noite
Eliane de Andrade  – Epifania
Elianes Klein – “A bordo todos os dias
Eliel C. Ferreira  – Dias acinzentados no meu próprio alter-ego
E. C. Reys – Um dia antes do fim
Eneida Nogueira – “Renascendo…
Erika Rodriguez – A nuvem e o sol
Ernane Bernardo – Lágrimas do Sol
Euri Ferreira – Um hino ao dia
Félix  Barros – Ritual
Ferdinand Pereira – O dia avança, ficam as tuas mãos
Fernanda de Oliveira Anhaia – Dia de chuva, chuva de dia
Fernanda Lícia de Santana Barros – “Dia de esperança
Francelmo Farias – Ciclo da vida
Francisca Oliveira – O último toque
O Anjo Amante (Franncis Antunes de Souza) – Um minuto de cada dia
Poeta Galosi (Gabriel) – Já é dia de viver?
Gabs Batista – Todo dia
Ge Lima – Sou o dia
Georgia Annes (Versos soltos por aí) – Diariamente
Gilberto Medeiros – A canção do dia
Grasiela Estanislaua Konescki Führ – Fé a cada alvorada
Higor Benízio – Infindo
Hilda Chiquetti Baumann – Um dia friorento
Isa Oliveira – Dia de sol
Jamilly Vilela – Sonhos de algodão
Jane Barros – Dias repetidos
Jaqueline Bastos – Naquele Dia
Jessica dos Anjos – Lembrança
Anamar Quintana (Joana Marli Langner)  – Aurora de Luz
João de Deus Souto Filho  – Amanhece
Francisc Lestrabic – Dia de folhas rasgadas
João Julio Diogo de Almeida – Dia de domingo (sem Tim Maia)
Jonas Marinho – Cortina
Carlos Daniel Dojja – Dia
Ju Lazarini – Diá-rio
José Fernandes – Flores e sol, para um novo dia
Neto José (Fração de Tempo) – Deixa ver, deixa vir, déjà vu
Ronaldson(se) – O dia
José Wellington Gomes da S. Lemos – Empoderado
Pablo Quinalia – Girassol
Juliana Marinho – Despertar do agora
Juliana Ester Lunkes – O despertar
Amélia Krobeld (Kamila Broedel) – Pausas
Káthia Gregório – “Ponto Final
Café e Prosa (Kermerson Dias) – Poesia em sopro
Laura Rosa – Todo dia, o mesmo dia
Leonardo S. C. Campos – Vi…ver
Leonardo T. Domingues – Eu sei que todo dia é um dia
Lidiane Telles  – Dias e café
Lilly Magaflor – Dia!
Lindaura Santana – Procura
Lolita Garrido –O amanhecer
Lucimar Francisco Rosa – Dia de esperançar
Luis Lucini – Semanário
Luiz Andrade – Aurora
Luiz Carlos Guglielmetti – O dia de ser feliz
Tavinho Limma (Luiz Otávio)  – Dias Poentes
Maikson Damasceno Fonseca Machado – Dias em mim
Manoel Hélio Alves – Uma segunda-feira qualquer
Marcel Esperante – Dias nublados…
Guga (Marcia Mendonça Ruhland) – Um dia qualquer e Entressonho do dia
Marco Antonio Palermo Moretto  – A Alma do meu dia
Marcos José de Vasconcelos  – Um dia, uma saudade
Alice Castro (Maria Alice Castro)  – Meus votos
Maria Bernadete Bernardo de Oliveira  – O dia
Maria da Conceição Custódio Valdivino  – O Dia de Francisca
Graça Lopes  – Dia após dia
Mara Pereira  – Nossos amores
Fátima Mota- Indagações para um dia de outono
D’Lourdes  – “Aquarela de Dias” 
Dolores Calegari – Renascer
Dorlene Macedo – Desabrochar de um novo dia
Maria Ildete  – “A trajetória de um dia
Milla Domingos  – Ser Sol 
Maria José Oliveira  – O entardecer
Maria Luiza Firmino  – Sobre o dia e a memória
Luzinete Fontenele – Metamorfose
Ananda Vardhana Devi Dasi  – Sob o sol
Veridiana Avelino – “Soneto de São João”
Mariáh D’Avila  – Quando é mais do que zero” e “Diário de bordo”
Srta Cabernet (Maria Cristina)  – Primavera
Mariana D’Andretta  – O dia no qual acordei
Maricy Montenegro  – Amanhece
Marilda Dias Silveira  – Remanso
Mary Pinheiro  – Um novo dia
Marineuma de Oliveira  – Contramão
Marisa Toth – “Dia de construção
Marlene Godoy  – Dia Nublado!
Marta Xavier (GTDS)  – Cerzido de uma noite, o dia
Martha Cardoso – Horizonte
Mauro Felippe  – Ode à arte da vida
Maycon Gual  – Deleite Day
Michelle Romanhol  – “Viver
Mila Bedin Polli – Equinócio
Mirelle Cristina da Silva  – Céu do dia
Nádia Bandeira – Recomeço
Nanci Otoni – Conselheto
Natalha Muniz de Andrade – “Cizeno Cinza
Nathalia Louise Prado  – Abacateiro e As dores do processo
Neusa Amaral –  “Um dia no circo
Nicoli Cristine Ruprecht  – Sol interior
Patrícia Adjokè Matos  – “Sagradas conexões a cada dia”
Patricia Baldez  – Percepção
Patricia Calegari  – Dia de Parque
Scalco (Patrick Scalco)  – Clareza
Pedro d’Lima  – Em dias longos
Pedro Passos  – Bem-te-vis
Dpaolo (Perci Douglas da Rosa Scapin) – Seguimento
Raffah Freitas – Este belo dia
Raquel Pereira Carvalho  – Sete dias
Regina Campos – Um olhar para a vida
Regina Marinho  – Bom dia!
Rejane Araújo – Dia de verão
Rejane Luci – Todo dia era dia deles
Renata Vasconcelos – Dia de bençãos
Richxrd Rxmillo – Brisa
Roberta F.S. Gonçalves – Amante abusiva
Rodrigo Araújo – “Necessidades Diárias
Rodrigo K  – Poesias quixotescas (moinhos e ventos)
Rosa Gonçalves – Janela da vida, dia a dia…
Rossidê Rodrigues Machado – Nova Manhã
Rozana Nascimento – Bom dia, vida!
Ruan Sousa  – “Outra tarde de verão”
Sannyr – “Pérola da Manhã”
Selma Luciana – Dia
Selma Reis  – “Novo dia, novo aprendizado”
Breno Fittipaldi – Contenção
Sérgio Alves  – “Más dias, bons dias”
Sonia Niehues  – O Dia para uma Criança!
Sukakiflor (Sueli Maria do Nascimento) – O acordar dos dias
Sueli Ordonhes  – Sobre passarinhos, insetos, crianças e açúcar!
Su Cânfora  – “Dias perfeitos
Suélio Francisco de Souza  – “Aconchego matinal”
Tati Klebis  – Eu, tu, eles, nós
Télia Lima  – “Conjugalidade astral
Telma Marques – O dia e a sua existência
Helena Tekka  – “Partículas do tempo”
Thaís Solano – Todo dia
Tiago Ramazzini  – Tudo que passou
Ticiano Leony – Abril e novembro
Valdenísia Macedo – Escolhas
Valéria Neves da Costa  – Renovo
Vera Raposo  – O dia amanhece!
Verlaine Pretto  – “Bom dia” e Dia
Vinicius Oliveira  – “Amanhecer diferente
Waléria Soares  – Para todo tempo
Lorde Gonzatova (Walter Gonzalis) – Poema do tempo que tudo leva
Poeta Pintor (Walter Handro) – Poema de mais um dia
Wesley Lyeverton Correia Ribeiro – “No meio do dia
Zenilda Ribeiro  – Laços Dourados

Fonte: https://luraeditorial.com.br/antologia/autores-selecionados-na-antologia-uma-poesia-para-cada-dia/, site da Lura Editorial, acessado em 01/10/2021. 

Manoel Hélio Alves é poeta, autor do livro Uma Poesia Para Raul, natural de Macarani - Bahia, sócio da UBE União Brasileira de Escritores, mora em São Bernardo do Campo - São Paulo, participa ativamente de vários projetos literários.

quarta-feira, 29 de setembro de 2021

Coletânea Café com Poemas - Itapetinga / Bahia


O movimento Café com Poemas e o Clube de Lu, empreendimentos culturais organizados por Valdeique Oliveira e Katiana Rigaud, respectivamente, se uniram para publicar uma coletânea com a potência do novo e a centelha que acompanham espíritos nobres que não se deixam abater com as “pedras no meio do caminho”.

Ao não obter apoio, sobretudo em tempos de pandemia, onde existe uma Lei para fomentar a cultura em nosso país, este brilhante e fecundo projeto editorial denuncia quão são despreparados aqueles que, lançando mão de seus micropoderes, enxergam de forma enviesada as grandes iniciativas, boa parte das vezes, por falta de preparo, dificultando e até abortando muitos projetos de valor e com eles incontáveis volições.

O grande mérito dessa “Coletânea Café com Poemas foi mostrar que é possível” fazer acontecer sem estar preso aos editais. A obra abre alas e revela a importância da proatividade, sobretudo em um país ingrato com seus autores, artistas, educadores e fazedores de cultura.

Aos poetas presentes no livro, não nos resta dúvida que para muitos é a realização de um sonho, para outros, já mais tarimbados, a satisfação de estar entre seus pares, celebrando a participação em mais um ajuntamento de bardos ávidos por serem lidos.

Parabenizo aqui a bravura dos organizadores deste importante livro. Que sirva de referência para outros. Chegar até aqui não é fácil, exige muita disciplina, seriedade e acima de tudo amor pela literatura, pois em um país que pouco se lê e um Estado que não valoriza o livro e a leitura, estar neste cenário produzindo de forma otimista é um ato de resistência e persistência.

A Cogito honrada com o convite, fez o seu melhor para que essa tribo de cafeicultores da poesia possa brilhar mais forte e subir cada vez mais alto.
Aos leitores a dica dessa leitura prazerosa, afinal de contas, um bom café com poemas não tem nada melhor.

Ivan de Almeida
Jornalista, poeta e editor

Autores Participantes:

Andrea Barreto Borges
Alan Félix dos Santos Moreira
Adelson Teles Pinto
Ananias Monteiro
Antônio Santana
Aurora Souza
Betinho de Saubara
Cris Leal
Débora Gonçalves
Débora Domingues
Eldre David
Eliz Leal
Eudete Luiz
Fozin de Anagê
Fillype BorSá
José Carlos Cardoso
Igor Pluma
Ioná Scarante
Vone
Junyor Vieira
Kamilla Broedel
Katiana Rigaud
Leandro Archon
Leandro Martins de Jesus
Lidy Veiga
Luis Barreto
Manoel Hélio Alves
Maria Celeste Bastos
Lucia Macêdo
Maris Stella Schiavo Novaes
Marta Tanan
Mara Gimenez
Noi Soul
Priscila Mancussi
Rafaela Cabral Damasceno
Renan Júnior
Roberta Pacheco Caetano Borges
Roger Ferreira
Rosiane Moreira de Jesus
Rudney Almeida
Samuel Silva Alcântara
Silvana Soares dos Santos Meireles
Tati Brito
Tereza Sá
Valdeci Batista Rocha
Valdeique de Oliveira Pereira
Vel Bandeira
Waschgniton Ferreira Santana
Yan Quadros

Marvione Macêdo é a poeta e artista plástica itapetinguense homenageada nesta coletânea literária.

Manoel Hélio Alves é poeta, autor do livro Uma Poesia Para Raul, natural de Macarani - Bahia, sócio da UBE União Brasileira de Escritores, mora em São Bernardo do Campo - São Paulo, participa ativamente de vários projetos literários.