quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Esquerda Jovem–A volta do futuro da juventude brasileira!

Fernando Gaebler é Esquerda JovemSou representante da esquerda jovem, sou a renovação do ideal de luta da juventude brasileira por mais socialismo, pela luta contra a corrupção e o patrimonialismo, dos avanços populares, de mais participação nas mídias, na cultura, com segurança pública, e muito mais… Mas para isto é necessário uma renovação da cultura partidária brasileira, indo muito além do que o Governo Dilma, reestruturar as relações políticas para projetos mais avançados, com novas lideranças e um centralismo democrático na proposta da esquerda jovem que vem renovar os métodos de ações militantes, de ações jovens e como Fernando Gaebler quem inspira a juventude, que inspira a educação e luta por mais cultura, temos a posição oficial das relações partidárias, porém acredito que sou a renovação política e * INTELECTUAL * necessária para irmos mais além, para ousar lutar, ousar vencer!

Continuarei filiado no Partido dos Trabalhadores e acreditar na causa das lutas populares, socialistas e democráticas, com mais radicalismo democrático, porém acredito ser necessário ir além da hegemonia partidária. Pois sou da juventude brasileira, acredito e luto pela unidade jovem, da integração política e mistura cultural, portanto sou a nova liderança que agrega, que unifica numa plataforma política, num projeto revolucionário tendo elementos de Juventude Petista, de Juventude Popular Socialista, da União da Juventude Socialista, da Juventude do PMDB – com o apoio dado nestas eleições de 2012 ao Bruno Gabriel – porém nas próximas eleições, como decisão pessoal irei me candidatar a vereador pela juventude brasileira.

Alguns podem objetar – mas e o decoro de ética? Que ética é esta que tem preconceitos políticos, que se “travam por interesses patrimonialistas”, uma luta pela juventude, pela unidade política, pelo radicalismo democrático, pelas liberdades individuais e mais cultura para a juventude, sou a luta contra os preconceitos políticos. sou ético ao poder dialogar e trabalhar conjuntamente com lulistas, com dilmistas, com marineiros, com apoiadores da heloisa helena e a lutar para compor um projeto em comum, em aproximar os pontos em comuns, para que possamos ter avanços populares ousados, sou a novidade que veio para ficar! Aliás, quem disse que jovem não pode ser político?

Eu sou o verdadeiro sentido político, e você?

****

Vejam mais em Fernando Gaebler ☆ 13!

Ou Me Pergunte!