terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Sorriso Interior (de um verso que pediu colo)


EVENTO NA BIBLIOTECA CORA CORALINDA EM NITERÓI

Niterói,
desde o ventre,
sol nascente.
Naturalmente claridade,
índia e liberdade,
poema sedutor.
Niterói,
águas descobertas num sorriso interior.


©rosangelaSgoldoni
11 12 2014
3º lugar no II Cocurso de Poesia Niterói (441 anos).
 promovido pelo evento "Um Brinde à Poesia",
organização de Lucilia Dowslley).
RL T 5 066 601
Obs: Niterói, termo indígena (temiminós) significa águas escondidas)
Minha terra de nascimento.