quinta-feira, 30 de novembro de 2017

c.p. 3870-155





o mar não é falso
é da sua natureza imprevisível ser

falsos serão os que
quando deles se espera que homens

coisa de fraco valor se revelam
por tão pouco se  venderem

(torreira; 2016)

https://ahcravo.com/2017/11/30/cronicas-da-xavega-218/