sábado, 3 de fevereiro de 2018

para a ana




os anos passaram
rolos de corda
de uma outra safra

lembro-me de ti
e do alfredo
a teus pés menino

quantos rolos ana
quantas safras
o alfredo a crescer
a cada ano

um homem grande
o teu filho
menino por dentro
a sorrir

hoje lembrei-me de ti ana

(torreira; 2010)

https://ahcravo.com/2018/02/03/cronicas-da-xavega-233/