segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

traquinas


um jogo por acabar


os moliceiros têm vela (43)


traquinas

trago nos olhos
um sorriso de criança

uma fisga na mão
um papagaio de papel

uma bola de sabão
um carrinho de madeira

umas caricas oferecidas
um jogo por acabar

dentro de mim
nasce uma pergunta
traquina

nunca mais cresces?

(ria de aveiro; regata da ria; 2010)

https://ahcravo.wordpress.com/2015/01/19/os-moliceiros-tem-vela-43/