segunda-feira, 13 de abril de 2015

dos espectadores

no dia do beijo, namoro na ria



os moliceiros têm vela (92)


dos espectadores


o poeta sentou-se
não era ainda o tempo das palavras
mas o de olhar e sentir

o tempo passou
e o poeta sentado mudo e quedo
espreitando o mundo

passaram as palavras
passou o poeta
ficou apenas o tempo

condenação de espectador
é ser nada
quando pensou ser tudo
até poeta

(torreira; regata do s. paio; 2012)

https://ahcravo.wordpress.com/2015/04/13/os-moliceiros-tem-vela-92/