domingo, 5 de maio de 2013

o teu destino





vai até ao fundo
procura os porquês
tu és a eterna questão
sê a pergunta
exige a resposta

não cales
não consintas
não aceites
não desistas
não deixes de ser

provoca a onda
quebra o silêncio
ergue-te ergue
provoca convoca
não és só mais um
exige a resposta

serenas são as águas
onde o espelho
se recria e a gaivota

olha-os e parte
que é diverso o teu destino

http://ahcravo.wordpress.com/2013/05/05/o-teu-destino/