sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

namorar o mar


agostinho trabalhito

há quem cresça com o mar
dentro de si
nele caminhe como se outra terra
sem ele não seja
mais do que alguém que espera
a terra por destino último
há quem nasça para o mar
e só com ele saiba namorar
(torreira; companha do marco; 2010)