quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Esquecimento



Tu me levaste pela noite... Na treva, apaixonados
Nosso amor foi intenso, majestoso, selvagem
Nossos corpos unidos por uma noite
Esqueceram-se de que andávamos separados.

Vibrei, confesso-te, com tuas juras
Com tua voracidade e volúpia
E achei sentido nas palavras desconexas
Que você bradava a cada toque meu.

Só assim senti que nosso amor era único
Da tua eterna paixão interminável...
Do teu orgulho inexplicável.

Quisera que tu te visses como eu te via
Entregue a paixão do momento
E fadada ao meu esquecimento.