segunda-feira, 17 de setembro de 2018

caminhos




os caminhos velhos
de tanto
gastaram-se

porque continuas
a buscá-los se
a viagem é agora
outra

(torreira; 2010)

o meu amigo alfredo amaral

https://ahcravo.com/2018/09/17/cronicas-da-xavega-264/