segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

A voz dos Poetas

A voz dos Poetas 

Comandas as ondas                                                                 sob a prancha da vida                                                              compõe o poema de atitude corporais                                      que o deixam o corpo traduzir                                 na execução é voz desconhecida                                        que percorrem desertos                                                      E todos se enaltecem em alegria ao ouvi-lo                                          pela saudade da solidão                                                          No interior quase todos se espantam                          perante suas próprias lembranças                              Descobrem que tudo é igual ao que não imaginava que era o amigo poeta                  
 R e c i t a n d o.                                                            

(Antônio Rodrigues)